quarta-feira, 20 de maio de 2009

Ser sincero é tão natural, então por que não?



Eu vivo tentando compreender a falta de sinceridade no ser humano. Parece que, hoje em dia, ser sincero virou exceção, quando deveria ser a regra. E se assim é, estou em desvantagem. Paciência. Não vou ser o que não sou. Não vou fazer o jogo, até porque, quando se entra em um jogo, fica difícil sair dele. Novos e novos jogos serão necessários para manter a farsa criada.
Para mim, ser verdadeiro é uma coisa tão natural. Está na minha essência. Quando falo que gosto de alguém é porque tenho plena convicção do que sinto - e vice-versa. Não sou de rodeios. Sei que, algumas vezes, o sentimento atropela a razão. E eu deixo que ele atropele. Não que eu perca a razão, mas dou sempre prioridade à voz do sentimento, que, no final das contas, é o verdadeiro sábio.
Por esta razão, não costumo brincar com os sentimentos alheios. Eis algo que abomino. Muitas vezes me queimo, muitas vezes atraio a antipatia de um ou de outro por ser extremamente claro e não fazer rodeios, não enrolar. Mas, pelo menos, ao se lembrarem de mim, nunca poderão dizer que eu iludi, tripudiei, desrespeitei qualquer tipo de sentimento, ainda que não tenha podido corresponder.

Vivo a me perguntar por que certas pessoas tendem a fazer isso. Por que certas pessoas usam outras para passar o tempo, reforçar seu alter ego, testar sua capacidade de sedução, ou por tantos outros motivos menores? Acho que morrerei sem compreender. A única explicação que me vem à cabeça, para esse comportamento tão comum em nossos dias, é que deve haver muita insatisfação por aí. Quer saber? É mesmo melhor não compreender.

Continuarei do meu jeito. Pelo menos, ao final de cada dia, eu terei a certeza de que não me perdi de mim mesmo.


"Nossa atitude determina se devemos amar ou odiar, dizer a verdade ou mentir, agir ou adiar, avançar ou retroceder, e através de nossa própria atitude nós, e somente nós, decidimos realmente se vamos vencer ou fracassar."


Jim Rohn

2 comentários:

noemi baptista disse...

tá cada dia melhor isso aqui!!!

beijos

meraluz disse...

É,neguin, pagamos um preço por não fazer o jogo!

Life is such a hard game to play!

Mas não se renda não. Como diz o Sting: Be yourself, no matter what they say.

bjs :*